top of page

Nesta obra, Sara Rojo dá continuidade à sua investigação teórico-prática que aborda de forma transversal os estudos da literatura, da performance e do teatro por meio da análise de aspectos da imagem que compõem a obra do escritor chileno Roberto Bolaño. O resultado da pesquisa que temos em mãos neste livro foi elaborado através de ensaios independentes que dialogam com contos e romances de Bolaño, e com a dramaturgia do experimento cênico Postremus, de Assis Benevenuto, dirigida pela autora em parceria com o Grupo Quatroloscinco Teatro do Comum. O prefácio é escrito pela pesquisadora professora Dra. Júlia Morena Costa (UFBA); a orelha pelo Dr. Felipe Cordeiro; além do texto dramático de Assis Benevenuto e fotografias da encenação realizadas pela fotógrafa Luiza Palhares.


"Assim como Bolaño dedica sua obra à sua geração, dizendo ser esta uma carta de amor a ela, estes ensaios da pesquisadora e diretora teatral Sara Rojo são um carta dedicada à literatura, ao teatro, à memória, a uma geração à qual também pertence e ao valor da arte para resistir ao autoritarismo que, uma vez mais, teima em retornar neste momento atual. É interessante ainda pensar que a autora deste estudo, também chilena, é parte da geração com a qual Bolaño primeiramente dialoga e endereça sua obra. Vemos, neste conjunto de ensaios que temos em mãos, uma resposta a esta “carta” (e a este fazer ético-estético) e um prosseguimento deste diálogo, com incidências e confluências no presente. As leituras e a proposição prática de Sara Rojo nos provocam a retomar a literatura de Bolaño e relê-la agora sob outra ótica, como leitores, mas também como espectadores de uma obra vasta, interrelacionada, muito imagética e, principalmente, viva, radicalmente viva. Rojo promove um intenso trabalho com a memória, a linguagem e a elaboração estético-imagética para traçar uma poética de Bolaño, que há muito já transcendeu seus livros, e aqui é tomada como fonte para pensar nos trânsitos interartísticos promovidos pelo seu traço narrativo.” (trecho do prefácio, por Júlia Morena da Costa)

 

Sobre a autora:
Sara Rojo possui graduação em Letras pela PontificiaUniversidad Católica de Chile (1979), mestrado(Master of Arts) pela State University of NewYork (1989), mestrado (Magister en Letras Hispánicas)pela Pontificia Universidad Católica deChile (1985) e doutorado em Literaturas Hispânicas(Ph.D) pela State University of New York(1991). Realizou três pós doutorados: na Universitàdegli Studi di Bologna (2001), na Universidadde Chile (2007) e na Cineteca nacional de Chile(2019). É bolsista de produtividade do CNPq, professora Titular da Universidade Federal de Minas Gerais. Atua na área de Estudos Latino-Americanos com ênfase em Crítica e DireçãoTeatral. Possui artigos, capítulos de livros e livrospublicados, sendo o último: Um percurso pelasimagens de Neruda no cinema e no teatro (2021) pela Editora Javali. Atualmente, dirige o grupode teatro Mulheres Míticas.

Ficha técnica:
Peso: 310g

Tamanho: 18,5 x 12 x 0,4 cm

Nº de páginas: 160

ISBN: 978-65-87635-33-0

Ano: 2023

Projeto gráfico, capa e digramação: Vitor Carvalho.
Fotografias: Luiza Palhares

Imagens e teatralidade na narrativa de Roberto Bolaño

SKU: 978-65-87635-33-0
R$ 50,00 Preço normal
R$ 45,00Preço promocional
    bottom of page